Anvisa aprova por unanimidade 2º lote da vacina CoronaVac 

Anvisa aprova 2º lote de Coronavac - Isaac Fontana / Framephoto / Estadão Conteúdo
Anvisa aprova 2º lote de Coronavac - Isaac Fontana / Framephoto / Estadão Conteúdo

A Anvisa aprovou por unanimidade, nesta sexta, 22, o novo pedido de uso emergencial da vacina Coronavac.

No total, Agência Nacional de Vigilância Sanitária aprovou 4,8 milhões de doses produzidas pelo Instituto Butantan, em São Paulo. A vacina contra Covid-19 é desenvolvida pela empresa chinesa Sinovac.

Este segundo pedido trata do envase, pelo próprio Instituto Butantan, da vacina em frasco-ampola multidose, ou seja, as duas principais diferenças são o local de envase da vacina e o tipo de embalagem que será utilizada.

A solicitação também se estende a 46 milhões de doses já acordadas com o Ministério da Saúde, sem necessidade de nova solicitação.

Os documentos apresentados pelo Butantan – desta vez, 933 páginas – foram analisados por duas áreas técnicas da Anvisa: área de eficácia, segurança e qualidade da vacina e área de inspeção e fiscalização. Não foi preciso fazer a avaliação de gerenciamento de riscos, pois ela já havia ocorrido no domingo (17).

A decisão será publicada no portal da Anvisa e passa a valer a partir do momento em que o laboratório for comunicado oficialmente.

Segundo o Butantan, as vacinas serão disponibilizadas ao Ministério da Saúde na próxima semana.

A aprovação desse segundo pedido ocorre quatro dias depois da solicitação – a primeira levou nove dias.

Entre os fatores que facilitaram essa segunda aprovação é um volume maior de documentos já ter sido revisado para a primeira autorização.

Esta semana, outras seis milhões de doses aprovadas pela Anvisa foram fornecidas pelo Butantan para todo o Brasil começar plano nacional de vacinação, na última segunda-feira, 18.

Com informações do R7