Bombeiros resgatam cãozinho do prédio que desabou em Taguatinga

868
Bombeiro entrega à dona o cãozinho resgatado do prédio que desabou em Taguatinga / DF - Foto: Ed Alves
Bombeiro entrega à dona o cãozinho resgatado do prédio que desabou em Taguatinga / DF - Foto: Ed Alves

Mais uma ação de herói dos bombeiros. O cãozinho Téo, da raça pinscher, foi resgatado com vida dos escombros do prédio que desabou em Taguatinga, no Distrito Federal, na última quinta, 06.

A operação de salvamento foi realizada pelos oficiais do Corpo de Bombeiros Militar do Distrito Federal (CBMDF) e da Defesa Civil. O prédio condenado fica da QSE área especial 20, em Taguatinga Sul, a quase meia hora de Brasília.

Apesar de nenhum morador ter se ferido, cerca de 13 animais, sendo 10 gatos e três cachorros, estavam no local no momento do desabamento. Alguns ainda estão sendo procurados.

Emoção da dona

Aparentemente assustado, o bichinho se manteve no local, mesmo quando os moradores da região tentaram chamá-lo para que saísse.

Emocionada, a dona do pinscher, Lanna de Alencar, 20 anos, chegou ao local e acompanhou o momento em que a equipe de resgate trouxe o cachorrinho para fora da loja e o entregou nas mãos dela.

“Estou aliviada, pelo menos uma notícia boa em meio a tanta coisa ruim acontecendo”, disse a promotora de eventos.

Estava na varanda

No momento do desabamento, os cachorros Téo e Julie estavam na varanda do primeiro andar.

Durante a evacuação às pressas, os dois ficaram para trás.

“Eu pedi para os bombeiros puxarem eles pela varanda, mas bem na hora o prédio desabou”, contou.

Lanna morava no terceiro andar, mas os animais viviam no primeiro, com a mãe dela, que havia se mudado há uma semana para o edifício.

“Quando o prédio desceu, imaginei que eles poderiam ter voado para fora, porque eles são muito pequenos e leves. E eles estavam bem na ponta”, disse.

Agora, ela espera que a outra cachorrinha, a Julie, também seja encontrada.

Com informações do Correio Braziliense