Após chorar por trancar faculdade, gari cego ganha rifa de amigos: “Meu sonho”

-
Por Jéssica Souza
Compartilhar
Imagem de capa para Após chorar por trancar faculdade, gari cego ganha rifa de amigos: “Meu sonho”
Tudo começou quando um colega do trabalho flagrou o gari chorando e descobriu o motivo. Fotos: Reprodução/vídeo

Quem tem amigos como esses, tem tudo! Querido por todos, o gari Rogério Gomes, 41 anos, ganhou uma rifa, após ter que trancar a faculdade de pedagogia. Cego desde a infância devido a um glaucoma, ele sonha em ser professor de braile e história.

Tudo começou quando um colega do trabalho flagrou o gari chorando e descobriu o motivo. Imediatamente, os amigos se uniram e mobilizaram uma rifa para ajudá-lo a pagar a dívida do curso.

“Quando eu fui lá e tranquei, voltei chorando. É meu sonho, chorei porque não queria trancar. Eu pegava a minha ‘bengalinha’ e andava 1 km para chegar à faculdade. Jantava rapidinho e já ia estudar”, contou Rogério em entrevista ao Só Notícia Boa.

Rogério trabalha na Companhia de Urbanização do Município de Goiânia na parte de jardinagem e com o salário de gari, sustenta a casa com a esposa e dois filhos pequenos. Mas ele sonha grande e quer, após a faculdade, lutar pela pós-graduação.

“Eu não vou desistir do meu sonho e agradeço demais a todos pelo apoio. Eu vivi e senti a falta que faz um professor de Braille nas escolas e quero mudar isso”, afirmou o gari.

Um homem esforçado

O amigo José Evangelista Moreira notou que Rogério andava muito triste e foi quem tomou a iniciativa de ajudá-lo.

“Ele andava pra lá e pra cá cabisbaixo. Descobrimos que ele teve que trancar por não ter condições de pagar as mensalidades. Então, fiz a rifa que vendeu rapidinho”, contou.

José ainda ressaltou como Rogério é admirado por todos pelo seu esforço de realizar o sonho de ser um grande professor.

“Ele é muito esforçado e merece toda ajuda do mundo”, completou.

Como ajudar Rogério

Com o valor, Rogério conseguiu pagar as dívidas que tinha na faculdade, mas infelizmente, para voltar, ele precisa ter condições de pagar os próximos meses.

Abraçamos esse sonho com o Rogério e queremos garantir que ele conclua a graduação. Ele nos contou que ainda tem um ano e 6 meses para concluir o curso. A intenção é deixar pago esse período e fazer com que esse grande trabalhador retorne às aulas.

Para pagar, está aberta a vaquinha dele no Só Vaquinha Boa. Você pode doar diretamente pelo PIX: gari-pedagogia@sovaquinhaboa.com.br

ou pelo link da vaquinha clicando aqui.

Vai dar certo, Rogério!