Ventosa ajuda a coletar sangue de quem tem medo de agulha

-
Por Monique de Carvalho
Imagem de capa para Ventosa ajuda a coletar sangue de quem tem medo de agulha
As ventosas ajudam a coletar sangue, principalmente para aqueles que têm medo de agulha. - Foto: ETH Zurique

Quem tem medo de agulha com certeza vai comemorar essa notícia boa! Pesquisadores da Universidade de Zurique (ETH), na Suiça, conseguiram criar uma ventosa que ajuda a coletar sangue de forma rápida, prática e, principalmente, sem nenhum desconforto.

As ventosas têm apenas 2,5 centímetros e contêm microagulhas que não causam dores. A ideia é ajudar profissionais de saúde durante as coletas de sangue e aplicação de medicações que antes precisavam de uma agulha e causavam medo em alguns pacientes.

A novidade também foi comemorada por outro motivo. “A ventosa com microagulhas pode ser fabricada de maneira acessível, o que a torna uma solução viável para regiões de baixa renda, como a África Subsaariana, onde doenças como a malária são diagnosticadas por meio de amostras de sangue”, disse Nicole Zoratto, autora da pesquisa.

A solução inovadora

Os pesquisadores criaram o dispositivo inspirados no comportamento de sanguessugas.

Segundo Nicole, esses animais se fixam aos hospedeiros e sugam sangue através de pressão negativa. A ventosa usa a mesma técnica de sucção.

A autora da pesquisa também conta que as ventosas retiram sangue e aplicam medicamentos com mais precisão, pois não precisam penetrar tanto na pele e não causam a retração do tecido, reação comum em vários pacientes.

Leia mais notícia boa:

Benefícios e desafios

Outra grande vantagem do dispositivo é que ele reduz significativamente o risco de ferimentos por agulhas usadas, tornando-o ainda mais seguro para ambientes de saúde em todo o mundo.

Antes de ser amplamente adotado, a ventosa ainda precisa passar por otimizações no material e testes de segurança com um pequeno grupo de voluntários.

“Esses estudos são complexos e caros, por isso estamos buscando parceiros para financiamento adicional, como fundações de caridade”, explica a pesquisadora à assessoria da universidade.

Nicole garante que a produção em larga escala das ventosas vai facilitar a vida de milhões de pessoas que sofrem com a fobia de agulhas, além de proporcionar um método mais preciso e confortável para a coleta de sangue.

O novo método é rápido e fácil, facilitando a rotina de profissionais de saúde. - Foto: gráfico por Zoratto et al. Advanced Science 2024

O novo método é rápido e fácil, facilitando a rotina de profissionais de saúde. – Foto: gráfico por Zoratto et al. Advanced Science 2024