Piloto é salvo após queda de monomotor em praia de Guarujá. Vídeo

Foto: reproduçãoFoto: reprodução

Um piloto foi salvo da queda de um monomotor nesta terça-feira, 25, na praia do Tombo, no Guarujá, litoral de São Paulo.

O acidente aconteceu por volta do meio-dia com a aeronave que carrega faixas de propaganda. Vários banhistas viram a queda e fizeram vídeos, que se espalharam pelas redes sociais.

O piloto, de 28 anos, que não teve o nome divulgado, sofreu ferimentos leves e informou aos bombeiros que houve falha na aeronave. Uma surfista que estava na praia com o marido, acabou resgatando o piloto juntamente com uma equipe do Grupamento de Bombeiros Marítimo, a GBMar.

“Fui a primeira a chegar. Vi que ele estava com a boia e coloquei ele em cima da prancha”,  contou Vanessa Paskevicius.

“[O avião] veio de um dos lados da praia, já falhando, em nossa direção”, lembrou.

O resgate

Ela afirma que estava na água com o marido quando percebeu a movimentação atípica do avião.

Em um primeiro momento, a surfista reparou que a aeronave havia soltado a faixa e voava em direção à água.

O sargento Anderson Esteves, do GBMar, chegou de moto aquática no apoio ao resgate.

Felizmente, o piloto nem precisou ser levado ao hospital.

Já o avião, mesmo preso por um cabo e um flutuador, acabou indo para o fundo do mar.

A aeronave decolou às 9h39 do aeroporto de Itanhaém e pertence a uma empresa de publicidade.

De acordo com o Santa Portal, o certificado de navegabilidade não apresenta qualquer restrição.

“A rede de aeroportos VOA-SP informa que está cooperando com os órgãos de fiscalização e investigação de acidentes aéreos, e que todas as suas operações prezam pela segurança dos seus usuários e comunidades vizinhas”, declarou a Voa SP, responsável pelo aeroporto.

Veja o momento da queda e na sequência, o salvamento:

Foto: reprodução

Foto: reprodução

Foto: GBMar

Foto: GBMar

Com informações do Santa Portal e TV Tribuna

Espalhe notícia boa nas suas redes sociais. Siga o SNB no:

O conteúdo do SóNotíciaBoa é protegido. Você pode reproduzi-lo, desde que insira créditos COM O LINK para o conteúdo original e não faça uso comercial de nossa produção.