Mulher doa 234 litros de leite materno para outras mães

Leite materno na geladeira de Katy - Foto: Katy Bannerman
Leite materno na geladeira de Katy - Foto: Katy Bannerman

Como é a vida! Uma mulher que teve problemas para amamentar seu primeiro filho, agora, na segunda gestação, doou 234 litros de leite materno para outras mãe que passam pelo que ela passou.

Katy Bannerman é da Carolina do Norte, nos Estados Unidos. A grande produção de leite aconteceu depois que ela procurou uma consultora particular de lactação. “Eu não conseguia amamentar da maneira que queria e isso me afetou terrivelmente”, disse a mãe à CNN.

Após o tratamento Katy começou a produzir 2 litros por dia e decidiu doar o excedente.

A doação

Ela entrou em grupos no Facebook sobre aleitamento materno e amamentação, onde havia alguns pedidos de leite materno.

“Era esse tipo de pessoa que queria que eu recebesse [o leite]. Alguém que estava tendo problemas para amamentar por um motivo ou outro ”, disse Katy à CNN.

E não demorou muito para aparecerem pedidos. “Fiquei muito feliz em doar. A certa altura, tinha gente que vinha toda semana [buscar]” , contou.

Entre as pessoas que receberam o leite materno de Katy, havia uma família que adotou recentemente um bebê e outra que tem um filho com nanismo, condição em que o peso da criança é menor do que deveria.

Katy doou o último pacote de leite materno em dezembro de 2020.

O Centros de Controle e Prevenção de Doenças estima que 60% das mães param de dar leite mais cedo do que gostariam, seja por “problemas de amamentação, falta de apoio familiar e preocupação com o peso e a nutrição de seus bebês”.

De acordo com a American Academy of Pediatrics, é recomendado que os bebês consumam apenas leite materno nos primeiros seis meses, mas isso só acontece em 25% dos casos.

Katy e o segundo filho - Foto: Katy Bannerman
Katy e o segundo filho – Foto: Katy Bannerman
Leite materno congelado - Foto: Katy Bannerman
Leite materno congelado – Foto: Katy Bannerman

Com informações da CNN