Desempregado devolve carteira perdida com quase R$ 2 mil

2159
José fez um post, o que foi o suficiente para achar o dono da carteira. - Foto: Reprodução/Facebook
José fez um post, o que foi o suficiente para achar o dono da carteira. - Foto: Reprodução/Facebook

Um homem em Piraí do Sul, nos Campos Gerais do Paraná, provou que honestidade é algo que vem da índole e da educação da pessoa. Mesmo com toda dificuldade que passava, ele fez questão de devolver uma carteira perdida com quase R$ 2 mil dentro.

José Cleomar Domingues, de 34 anos, está desempregado e conta que em momento algum, isso foi motivo para ele pensar em ficar com o dinheiro.

“O que tive de educação da minha mãe e do meu pai, é que o que não é da gente, não é da gente”, explica.

Busca pelo dono

José Cleomar contou que estava a caminho de um dos seus últimos dias de trabalho, na noite de terça-feira (16), quando encontrou a carteira na rua.

“Vi no chão caída e chutei, com essa mania de chutar as coisas. Quando abri, vi que era uma carteira. Vi que tinha R$ 1.780 dentro”.

José fez uma publicação no Facebook logo que chegou em casa, pedindo para amigos e familiares ajudarem na busca ao dono da carteira.

Não demorou para a pessoa aparecer. No dia seguinte, José recebeu uma ligação de um rapaz e combinou de entregar a carteira imediatamente.

“Pelo que vi, era um rapaz bem simples e humilde. Para mim, foi normal. Não fiz para ganhar ibope. Eu até me assustei com os comentários, porque era algo que eu não esperava. O que não é da gente, não é da gente”.

Em busca de um emprego

José tem dois filhos pequenos e foi a empatia do pai de família que falou mais alto naquele momento.

“Tenho conta para pagar, mas você não sabe o que a pessoa está passando também. Às vezes a pessoa é mais simples que a gente, não tem condição de trabalhar. Eu não conseguiria pegar esse dinheiro e gastar em outra coisa, pensando no que a pessoa ia usar, qual conta, ela teria que comprar uma fralda ou comprar leite”.

Agora ele torce para encontrar um novo emprego para não passar dificuldades.

Qual empresário não gostaria de um funcionário honesto assim? Parabéns pela atitude, José! Estamos na torcida pra você conseguir logo se recolocar no mercado.

Veja a publicação dele no Facebook e os comentários deixados:

Por Monique de Carvalho, da redação do Só Notícia Boa – Com informações do Portal São Miguel.