Garis montam biblioteca comunitária com livros jogados fora

Foto: reprodução
Foto: reprodução

Um grupo de garis de Ancara, capital da Turquia, decidiu abrir uma biblioteca pública com livros que eles coletaram do lixo.

Foram sete meses recolhendo e armazendo os livros, após perceberem que havia centenas de livros descartados.

Tudo começou pela paixão de um dos garis, Serhat, de 32 anos, que sempre sonhou ter a própria biblioteca.

Aos poucos, os colegas começaram a fazer o mesmo e foi então que num esforço conjunto, conseguiram reunir livros suficientes para contruir uma pequenas biblioteca para o uso interno dos trabalhadores.

Ampliação

Com o tempo, o grupo decidiu ampliar a biblioteca. Eles entraram em contato com a prefeitura e foi então que o prefeito de Ancara deu aval para um espaço maior.

Dessa forma, a prefeitura viabilizou e adaptou uma antiga olaria do bairro Çsankaya, que estava fechada há mais de vinte anos.

Após a divulgação do trabalho de sucesso dos colecionadores, dezenas de vizinhos passaram a doar livros, catálogos e revistas para contribuir com mais opções para a comunidade.

Comunidade

Com a inauguração da biblioteca comunitária, os colecionadores conseguiram ter mais de 6.000 livros catalogados com seções infantis, livros de pesquisa científica e até muitos em outros idiomas como inglês e francês.

A biblioteca conta com uma área de leitura, espaço infantil e para jogos de tabuleiro e cafeteria.

Além de oferecer livros e espaços de leitura para funcionários, suas famílias e a comunidade em geral, eles também lançaram vários programas de empréstimo de livros para estudantes, não organizações de lucro e instalações correcionais.

Com informações do Nation