Menina de 4 anos é condecorada por limpar praias no Rio de Janeiro

1595
Com apenas 4 anos, Nina foi condecorada pela Comlurb por limpar praias no Rio - Foto: arquivo pessoal
Com apenas 4 anos, Nina foi condecorada pela Comlurb por limpar praias no Rio - Foto: arquivo pessoal

Mesmo ainda muito pequenina, Nina Gomes, de 4 anos, possui uma consciência ambiental muito grande. Agora ela foi condecorada pela Comlurb – empresa responsável pela limpeza urbana do Rio de Janeiro – por limpar praias da cidade.

Nina mergulha com o pai para retirar lixos das praias locais!

E não é a primeira vez que a menina é reconhecida pelas boas ações que pratica. Aos três anos, ela ganhou o prêmio Tatuí de Ouro, do Instituto Ecológico Aqualung, por ter sido a criança mais jovem a ajudar a fazer a limpeza na praia de Copacabana.

Inspiração

Para Flávio Lopes, presidente da Comlurb, a condecoração da Nina é mais que merecida e deve ser encarada como inspiração para novas ações.

“A Nina representa muito bem o selo de Agente Verde e mostra que podemos fazer a diferença para o meio ambiente e o planeta desde pequeno. Com tão pouca idade, já participou de duas grandes ações ambientais da Comlurb. Confiamos muito nos pequenos”, disse.

E Flávio espera “contar com a Nina em várias ações da Comlurb no futuro e esperamos que a parceria renda frutos e influencie outros pequenos e grandes a aderirem às boas práticas ambientais”.

Jovem ambientalista

Mesmo sendo muito pequena, Nina entende e defende muitas questões relacionadas ao meio ambiente.

Ela conta que quando crescer quer ser “ambialista” (ambientalista). Até os coleguinhas de escola aprendem, porque a garota faz questão de compartilhar com eles os conhecimentos que tem.

Ela ensina que jogar lixo na praia é errado. Nas palavras dela, “a baleia, o golfinho e o peixinho comem” e podem acabar sendo prejudicados por isso.

Incentivada desde muito cedo, Nina é motivo de orgulho para o pai, o biólogo marinho Ricardo Gomes, do Instituto Mar Urbano.

Para Ricardo, a educação ambiental tem que começar o quanto antes e é fundamental na formação de crianças e futuros adultos conscientes.

“É muito importante que essas crianças tenham um contato com a biodiversidade e também com os problemas, como saber que o plástico está causando a morte de animais marinhos”, afirma Ricardo.

“Eles têm esse poder de sensibilizar, de tocar o coração. Essa geração de agora já está mais consciente e já sabe da importância do meio ambiente para a nossa vida”, concluiu o pai.

Nina recolhe lixo com o pai - Foto: arquivo pessoal
Nina recolhe lixo com o pai – Foto: arquivo pessoal
Lixo é retirado das praias do Rio - Foto: arquivo pessoal
Lixo é retirado das praias do Rio – Foto: arquivo pessoal
Nina e o pai em ação no RJ - Foto: arquivo pessoal
Nina e o pai em ação no RJ – Foto: arquivo pessoala co

 Com informações de Yahoo.