Holanda transforma pontos de ônibus em abrigo para abelhas

1153
A cidade de Utresh, na Holanda, está transformando os pontos de ônibus em locais de polinização para abelhas Foto: Divulgação
A cidade de Utresh, na Holanda, está transformando os pontos de ônibus em locais de polinização para abelhas Foto: Divulgação

Uma das cidades mais populosas da Holanda instalou telhados verdes nos pontos de ônibus para ajudar na polinização de abelhas.

A administração de Utrecht implementou uma solução criativa para trazer o meio ambiente para os espaços urbanos, por meio de estações ecológicas que também vão beneficiar outros insetos, como borboletas.

No total, são 316 paradas com iluminação LED e assentos de bambu. Em outras, a prefeitura instalou painéis solares.

Meio ambiente

Além de um benefício estético, a população de abelhas pode aumentar, com o plantio de suculentas e outras espécies floridas que são favoritas de polinizadores e, finalmente, ajudar a melhorar a qualidade do ar na cidade.

Dessa forma, a cidade busca proteger a biodiversidade criando refúgios para insetos polinizadores.

A ideia é armazenar água da chuva em telhados verdes, o que também ajuda a regular a temperatura e a capturar partículas de poeira.

Mudanças Climáticas

Este novo projeto vem acompanhado de outras medidas estabelecidas em Utrecht para ajudar no combate aos efeitos das mudanças climáticas e na proteção do meio ambiente.

Entre as mudanças estão a troca dos ônibus tradicionais pelos elétricos, já que em 2028 é que o sistema público esteja livre de carbono.

Por outro lado, as autoridades municipais estão fazendo parcerias com empresas privadas, para promover a implantação de telhados verdes em residências e edifícios públicos e privados.

Tudo isso para que as abelhas e outros polinizadores possam ter mais espaços verdes como abrigos.

Boa idéia para ser copiada, não?

A ideia é levar os telhados verdes para outros prédios da cidade Fotos: Divulgação
A ideia é levar os telhados verdes para outros prédios da cidade Fotos: Divulgação

Com informações do Nation