Músico humilhado com ‘ovada’ em SP ganha bolsa de estudo e trabalho

2701
O músico humilhado com ovada tem 20 anos e toca para ajudar a alimentar o filho pequeno - Fotos: reprodução / redes sociais
O músico humilhado com ovada tem 20 anos e toca para ajudar a alimentar o filho pequeno - Fotos: reprodução / redes sociais

Este jovem músico, humilhado de forma covarde, viu a vida dar uma guinada depois de uma ovada que recebeu em São Paulo. E a pessoa maldosa que fez isso nem imaginou que sua hostilidade seria justamente o que iria impulsionar a carreira do rapaz.

O Luiz Felipe Salinas Almeida, de 20 anos, acaba de conseguir uma bolsa de estudos integral para poder se formar em Música e também vários trabalhos para fazer em Santos, no litoral Sul de São Paulo.

Ele é natural de Sorocaba, no interior paulista e contou que toca em bares, restaurantes, lojas e nas ruas para sustentar o filho de um ano e meio.

Ele está em Santos há três semanas e essa é sua única fonte de renda para pagar a pensão alimentícia da criança.

Desde a gestação do bebê, ele passou a viajar entre as cidades de São Paulo e Minas Gerais procurando por lugares para tocar. Para economizar dinheiro de hospedagem, Luiz Felipe costuma dormir dentro do próprio carro nas cidades por onde passa.

A ovada

O jovem músico foi atacado com ovos enquanto tocava violoncelo em uma rua movimentada de Santos, no litoral de São Paulo, na semana passada.

Ele estava em frente a uma loja de instrumentos quando alguém, do alto de algum apartamento vizinho, jogou os ovos em direção a ele e seu instrumento de forma covarde.

Mas ele não se intimida com a humilhação e diz que vai continuar com a música porque é o objetivo da vida dele.

“Quero levar isso como objetivo de vida. No começo, foi uma necessidade. Hoje em dia é minha profissão e o meu sonho. Quero chegar em um dia em que eu não dependa somente de tocar na rua”, disse.

A virada

E olha o sentimento de empatia que essa maldade provocou nas pessoas: após o episódio, Luiz foi contratado para tocar em três lugares, sendo dois eventos e uma serenata.

Mais que isso: a organizadora de um desses eventos, Renata Viegas, se comoveu com a história de vida do artista e decidiu ajudá-lo com uma bolsa de estudos integral para que ele pudesse se formar em Música.

“Fiquei bem tocada [com a ovada]. É um artista, um músico, fico pensando como alguém faz isso com outras pessoas que só estão levando alegria para as outras”, disse ela ao G1.

E como ficar com dó não adianta, a Renata resolveu agir!

“Aquilo me deixou muito chateada, fiquei pensando no que eu poderia fazer para ajudá-lo […] Vou dar o primeiro empurrão. Se ele consegue tocar assim com pouca instrução, imagina quando se formar músico”, analisou.

O primeiro trabalho

Neste fim de semana, Renata convidou Luiz Felipe para tocar em um evento dela e durante a apresentação, Renata aproveitou para oferecer a bolsa de estudos.

“Ele me olhava sem acreditar”, disse.

Assim que fizer a prova de ingressão, ele vai estudar Música na Universidade Metropolitana de Santos (UNIMES) no modelo de ensino à distância, com bolsa integralmente custeada pela empresária.

Luiz Felipe conseguiu trabalhos após repercussão de 'ovada' — Foto: Arquivo pessoal/Renata Viegas
Luiz Felipe conseguiu trabalhos após repercussão de ‘ovada’ — Foto: Arquivo pessoal/Renata Viegas

Com informações da Veja e G1