Vaquinha do Gabriel bate meta e ele terá a sonhada casa de alvenaria

-
Por Rinaldo de Oliveira
Compartilhar
Imagem de capa para Vaquinha do Gabriel bate meta e ele terá a sonhada casa de alvenaria
A vaquinha do Gabriel bateu a meta de R$ 80 mil neste domingo - Foto: João Paulo Guimarães

A vaquinha do Gabriel, o menino que achou uma árvore de Natal no lixão e emocionou o mundo, bateu a meta neste domingo, 2.

Graças a todos vocês, conseguimos levantar os R$ 80 mil que a família do menino precisa para construir a sonhada casa de alvenaria, além de comprar cestas básicas e roupas para o Gabriel. Muito obrigado!

Gabriel Silva tem 12 anos e comoveu toda a internet ao ser fotografado em novembro encontrando uma árvore de Natal em meio ao lixão na cidade de Pinheiros (MA). O menino acompanhava a mãe numa coleta e emocionou demais o fotógrafo João Paulo Guimarães.

A sequência de fotos, que foi publicada por jornais e sites de várias partes do planeta, comoveu muita gente e junto com o João Paulo – e com autorização da Dona Maria Francisca Silva, mãe do Gabriel e catadora de recicláveis –  abrimos no Só Vaquinha Boa a campanha oficial para ajudar a família.

A vaquinha do Gabriel, aberta em dezembro, bateu 50% da meta em apenas 24 horas.

A casa atual

Gabriel e família moram numa casa de barro, sem estrutura alguma numa comunidade em Pinheiros. O sonho deles é construir uma casinha de alvenaria. A mãe deu início a obra com alguns tijolos, mas nunca mais conseguiu dar continuidade, pois precisa escolher entre comer ou terminar a casa.

O valor será administrado pelo João e voluntários para garantir a segurança e prestação de contas da campanha.

Logo traremos mais novidades sobre a construção da casa deles!

Que notícia boa para começar o ano dessa família!!

Obrigado, de toda a equipe do Só Vaquinha Boa e do Só Notícia Boa!!!

A vaquinha do Gabriel bateu a meta de R$ 80 mil neste domingo - Foto: reprodução / Só Vaquinha Boa

A vaquinha do Gabriel bateu a meta de R$ 80 mil neste domingo – Foto: reprodução / Só Vaquinha Boa

Relembre a história: