Instrutor de parapente adota bebê urubu achado no lixo e o ensina a voar

-
Por Jéssica Souza
Compartilhar
Imagem de capa para Instrutor de parapente adota bebê urubu achado no lixo e o ensina a voar
Tutor até ensinou urubu a voar. Fotos: Redes Sociais

Você já imaginou ter um urubu como animal de estimação? Pois é, conheça o Urú, um urubu que foi adotado pelo piloto de parapente Israel Mendes, após encontrá-lo em uma lixeira quando era apenas filhote, em Fortaleza.

A conexão entre os dois é tão forte e real, que o próprio Israel ensinou o Urú a voar. “Meu urubu não é meu animal de estimação, é meu filho”, afirmou.

Israel chegou a acreditar que a ave não sobreviveria, mas agora ela é quase inseparável de seu novo companheiro. “Eu levava o Urú ao ponto de decolagem de parapente para que ele sentisse o vento e começasse a entender que foi feito para voar”, contou Israel Mendes.

Urubu resgatado

Em dezembro de 2021, Israel foi contatado pelo Instituto Pró-Silvestre, após a ONG de bem-estar animal encontrar um filhote de urubu macho em uma lixeira e falharem os esforços para localizar seu ninho.

O pássaro morreria se ficasse por lá por conta própria. Como Israel mora próximo à serra da Aratanha, na periferia de Fortaleza, eles acharam que o Urú teria espaço para crescer e voar lá.

“Então eu o adotei, o que incluiu um processo legal e fiscalização das autoridades ambientais brasileiras. Eles achavam que quando o pássaro crescesse, ele teria muito espaço para passear”.

Sete meses depois, homem e pássaro voaram juntos várias vezes de parapente, resultado de uma incrível história de ligação humano-animal.

Ensinando a voar

Estamos impressionados com a conexão do Urú com o tutor. Israel ensinou o pássaro a voar, após meses de preparo e treino.

As aulas incluíam passeios de parapente onde ele carregava Urú em uma cesta especialmente adaptada.

O susto!

Mas Israel passou por um susto. Após Urú conseguir voar pela primeira vez, ele foi atacado por abutres adultos. O bichinho ficou desaparecido por quatro dias, mas Israel o encontrou em uma tribo indígena.

“Fiquei arrasado. Fiz campanha nas redes sociais para encontrá-lo. Agora, ele não se perde mais, voa pertinho de mim. Quando eu o reencontrei, chorei muito e ele me deu uma bicada no braço”, disse rindo.

Urubu ou cachorrinho?

Mendes diz que o Urú costuma segui-lo “como um cachorro” quando vai trabalhar ou encontrar amigos, obrigando-o a recorrer a truques.

“Às vezes tento distraí-lo com um pedaço de carne e depois saio sem fazer barulho, mas logo percebo a sombra de um pássaro na pista quando estou na minha moto”, diz ele com um sorriso no rosto.

É ou não é amor?

Confira mais fotos e um vídeo com o Urú, o urubu que é “filho” do Israel:

Olha a pose do bichinho. Uma graça! Foto: @uru_fly

Olha a pose do bichinho. Uma graça! Foto: @uru_fly

Urú e o tutor são inseparáveis. Foto: @uru_fly

Urú e o tutor são inseparáveis. Foto: @uru_fly

Foto: @uru_fly

Foto: @uru_fly

Urú com apenas 3 meses. Um nenê fofo! Foto: @uru_fly

Urú com apenas 3 meses. Um nenê fofo! Foto: @uru_fly

 

Com informações de Z1 Portal