Outubro terá eclipse e duas chuvas de estrelas cadentes. Veja as datas

-
Por Renata Giraldi
Imagem de capa para Outubro terá eclipse e duas chuvas de estrelas cadentes. Veja as datas
Outubro terá no dia 14 o eclipse solar e em 9, 21 e 22, as chuvas de estrelas cadentes. - Fotos: reprodução / Getty Images / Lu Shupei

Outubro terá vários espetáculos no céu, entre eles um eclipse e duas chuvas de estrelas cadentes, até o fim do mês. Guarde as datas: dia 14 o eclipse solar e em 9, 21 e 22, as chuvas de estrelas cadentes. E tem mais. [veja o calendário abaixo]

No caso do eclipse dia 14 de outubro, sorte de quem estará no Nordeste, que poderá admirar muito melhor o fenômeno a partir das 15h.

Nas primeiras horas da manhã de 09 ocorrerá o pico da chuva de meteoros Dracônidas, que poderá ser observada a olho nu. Já a chuva de estrelas cadentes de Oriônidas promete ser mais fantástica ainda na noite de noite do dia 20 de e nas primeiras horas da manhã de 21 de outubro.

Onde o eclipse será visível

No dia 14, o eclipse solar poderá ser visto, primeiro no Oceano Pacífico, na costa do sul do Canadá, e depois nos Estados Unidos, na América Central, na Colômbia e no Brasil.

Os melhores lugares para se admirar o fenômeno são Rio Grande do Norte, Ceará e Paraíba.

No restante do país, poderá ser visto um eclipse solar parcial, com o disco lunar ocultando parte do disco solar.

Este primeiro grande espetáculo do mês será durante o dia em qualquer parte do país.

O eclipse solar anular deve escurecer parcialmente o céu.

Este fenômeno acontece quando a Lua está longe da Terra a tal distância que fica impossível cobrir por completo o disco solar, resultando em um anel brilhante ao redor da Lua escurecida.

Chuva de meteoros, as chamadas estrelas cadentes 

Em outubro as duas chuvas de meteoros têm características um pouco diferentes.

Os meteoroides quando entram na atmosfera da Terra são chamados de meteoros e, pela velocidade elevada, deixam rastros brilhantes de luz no céu, ganhando o nome de estrelas cadentes.

A chuva de meteoros Dracônidas é mais sutil porque produz aproximadamente 10 meteoros por hora.

O fenômeno é causado por grãos de poeira deixados para trás pelo cometa 21P Giacobini-Zinner.

A chuva de meteoros Oriônidas é provocada pelos detritos deixados pelo cometo Halley, produzindo até 20 meteoros por hora.

Os meteoros são irradiados da constelação do Dragão e da constelação de Órion, respectivamente, e podem aparecer em qualquer parte do céu à noite/madrugada.

Outros fenômenos importantes

Ainda em outubro no dia 10, entre 4h e 5h da manhã, a Lua Minguante vai estar acompanhada do planeta Vênus, com a estrela Regulus.

A estrela Regulus é a mais brilhante da constelação de Leão. Será possível observar os três até o amanhecer de qualquer lugar país.

Vênus ainda vai estar visível quando a luz da manhã iluminar o céu, desaparecendo apenas quando o próprio Sol surgir no horizonte.

Vênus em elongação

Vênus está em fase de elongação no sentido Oeste, significa que será possível ver o planeta antes do nascer do Sol a partir das 3h e até 5h30.

O ideal é usar equipamentos para observar melhor o fenômeno.

Com telescópio ou binóculos, vai ser possível ver o planeta iluminado pela metade, exatamente como quando há a Lua durante o Quarto Minguante.

Saturno e Lua próximos

Depois que do pôr do Sol, a Lua vai estar alta no céu, acompanhada de Saturno a uma distância relativamente próxima — porém, os astros vão estar separados pelo dobro da distância entre a Lua e Júpiter do dia 1º.

Será interessante admirar os planetas perto de nosso satélite natural.

Leia mais notícia boa 

Datas para guardar no calendário de outubro

  • 06/10: Lua em Quarto Minguante
  • 08 e 09/10:  Chuva de meteoros Dracônidas
  • 14/10: Eclipse solar anular e Lua nova
  • 20 e 21/10:  Chuva de meteoros Oriônidas
  • 22/10: Lua em Quarto Crescente
  • 23/10: Vênus em maior elongação leste (melhor visualização)
  • 24/10: Conjunção entre Lua e Saturno
  • 28/10: Lua Cheia
  • 28/10: Eclipse lunar parcial
Outubro terá no dia 14 o eclipse solar e em 9, 21 e 22, as chuvas de estrelas cadentes. - Fotos: reprodução / Getty Images / Lu Shupei

Outubro terá no dia 14 o eclipse solar e em 9, 21 e 22, as chuvas de estrelas cadentes. – Fotos: reprodução / Getty Images / Lu Shupei

Com informações de Tecnomundo e CanalTech