Avon determina fim dos testes de produtos em animais

Quiosque da Avon - Foto: divulgaçãoQuiosque da Avon - Foto: divulgação

A indústria de cosméticos Avon anunciou nesta quarta, 18, que vai banir testes em animais em toda a cadeia de produção no mundo.

A marca informou que vai acabar com o teste em bichos inclusive na China, país onde ocorre esse tipo de experimento é obrigatório por lei para testar protetores solares e desodorantes.

A companhia permanecerá no mercado chinês, mas de forma adaptada, com algumas reformulações nas linhas de produtos e abertura de novos canais de e-commerce que não exijam o cumprimento das leis do país para testes em animais.

Livre de crueldade

De acordo com a Avon, os testes de vários cosméticos já são feitos através de métodos alternativos aos testes em animais há muitos anos em parceria com organizações como o Instituto para Ciências In Vitro, FRAME e a Humane Society International.

Para garantir a qualidade e segurança dos produtos, a empresa afirma que continuará trabalhando com essas e outras organizações para impulsionar a indústria “cruelty-free”, que em português significa “livre de crueldade”.

Brasil

No Brasil, os testes em animais não ocorrem há trinta anos na empresa.

Em nota oficial, José Vicente Marino, presidente da companhia, disse: “Não acreditamos que os testes em animais sejam necessários para garantir a segurança de um produto”.

A Avon faz parte da Natura&Co, a maior empresa brasileira do segmento de cuidados pessoais, de acordo com a Euromonitor International.

Com informações da Veja

Espalhe notícia boa nas suas redes sociais. Siga o SNB no Facebook, TwitterInstagram e Youtube

O conteúdo do SóNotíciaBoa é protegido. Você pode reproduzi-lo, desde que insira créditos COM O LINK para o conteúdo original e não faça uso comercial de nossa produção.