Nova York transforma maior lixão em parque e dá exemplo ao mundo

Fresh Kills será inagurado na primavera - Foto: US FBI / Theo's Little Bot
Fresh Kills será inagurado na primavera - Foto: US FBI / Theo's Little Bot

Um aterro, considerado o maior lixão do mundo e fechado em 2001, está sendo transformado em um lindo parque verde e a inauguração da primeira etapa está prevista para a próxima primavera.

O local, que abrigou 150 milhões de toneladas de lixo, será um parque estadual de 2.200 acres – 9 Km2 – quase três vezes maior que o Central Park, em Nova York.

Ele está sendo considerado um dos maiores projetos de reflorestamento da história. A primeira etapa do Freshkills, com os primeiros 21 acres de natureza recuperada, será aberta ao público entre março e junho de 2021.

Como

Todo o lixo da cidade de Nova York era despejado no aterro Fresh Kills, que aterrorizava Staten Islanders com o mau cheiro e a visão de montanhas de detritos do tamanho de um prédio de 20 andares.

Ele foi fechado em 2001 e funcionários do departamento de saneamento começaram a trabalhar para controlar a poluição.

O Departamento de Planejamento Urbano fez um concurso internacional de design e o projeto escolhido foi da empresa Operações de Campo .

Caminhões com terra rica em ferro foram levados de Nova Jersey para cobrir lonas de plástico que “tapavam” os montes de lixo.

Tubos de extração de metano canalizaram os vapores dos detritos subterrâneos para que as casas de Staten Island pudessem usar nos fogões.

Calhas de concreto foram construídas para canalizar a água da chuva para longe das colinas de lixo.

E o parque foi restaurado com o campo de beisebol, quadras de handebol e playgrounds.

Cabras foram levadas pra lá para ajudar na restauração ecológica.

Espécies nativas de grama brotaram no local.

As trilhas pelos bosques viraram habitat de pássaros do Atlântico.

Os montes verdes agora são separados por riachos e cursos de água natural.

Imagens

site Freshkills mostra fotos em 360 ° que permitem entender a abrangência do parque.

A imagem da renovação, aproveitam o triunfo do reflorestamento para educar as pessoas sobre a importância de pântanos, pastagens, animais e recreação ao ar livre.

Paisagens que os nova-iorquinos vão experimentar de verdade assim que a primeira parte do parque for liberada para visitação na primavera.

Como era o lixão - Foto: US FBI / Theo's Little Bot
Como era o lixão – Foto: US FBI / Theo’s Little Bot

Com informações do GNN