iFood instala 84 pontos de descarte para recicláveis em SP, BA, RJ e DF

Os pontos de descarte para recicláveis do iFood atingirão diferentes grupos de pessoas. - Foto: divulgação
Os pontos de descarte para recicláveis do iFood atingirão diferentes grupos de pessoas. - Foto: divulgação

São Paulo, Rio de Janeiro, Bahia e o Distrito Federal ganharão 84 pontos de descarte voluntário de resíduos recicláveis — também conhecidos como PEVs – instalados pelo iFood.

A ação faz parte das comemorações pelo Dia Mundial do Meio Ambiente, que aconteceu no último dia 05 de junho.

“Comemoramos o Dia Mundial do Meio Ambiente com o lançamento dos PEVs que é uma etapa importante do processo de reciclagem, mas o nosso compromisso vai além de um único dia no ano. Queremos fazer um futuro melhor, mais sustentável, e é para isso que estamos caminhando”, comenta Gustavo Vitti, vice-presidente de Pessoas, Diversidade e Soluções Sustentáveis do iFood.

Ele explica que são mais de 400 toneladas de lixo reciclável por mês que a empresa está tirando das ruas e aterros e destinando de forma correta. “E ainda estamos só no começo”, afirma.

iFood Regenera

Os pontos de descarte voluntário de resíduos recicláveis são lançados em parceria com Instituto Muda, B2Blue, SO+MA, Molécoola, Recicla Orla, Coletando e Triciclo.

A criação dos PEVs faz parte do programa iFood Regenera, que são metas ambientais do app e que têm como um dos objetivos zerar a poluição plástica nas operações de delivery.

Para isso, o iFood trabalha em duas frentes: evitar o uso de plástico descartável e reciclar o que já está em circulação.

Conscientização

Além de ajudar na coleta de lixo reciclável, a implantação dos PEVs também pretende trabalhar a conscientização ambiental de diferentes pessoas.

No Rio de Janeiro, o iFood vai instalar 56 PEVs entre as praias de Copacabana, Leblon, Leme e Arpoador.

Já em São Paulo, o foco inicial serão os condomínios fechados, supermercados e comunidades de diferentes regiões da cidade.

PEVs do iFood. - Foto: divulgação
PEVs do iFood. – Foto: divulgação

Com informações de Dias Mais Sustentáveis