Paciente do RN faz cálculos matemáticos durante cirurgia no cérebro

Médicos conseguiram retirar o tumor - Foto: divulgação
Médicos conseguiram retirar o tumor - Foto: divulgação

Depois da paciente inglesa que fez uma cirurgia no cérebro enquanto tocava violino, agora um caso parecido aconteceu aqui no Brasil, no Rio Grande do Norte, mas com a paciente fazendo cálculos matemáticos, enquanto os médicos retiravam um tumor do cérebro dela.

O procedimento da chamada ‘craniotomia acordada’ foi feito na Casa de Saúde São Lucas, em Natal. A paciente e o neurocirurgião conversaram com a nossa reportagem (vídeo abaixo)

“A ‘craniotomia acordada’ é um recurso cirúrgico usado em pacientes que sofrem lesões cerebrais, como tumores e deslocamentos, próximas a uma área da linguagem. Com esse método, é possível selecionar possíveis déficits, pois o paciente interage conosco durante o procedimento ”, explicou o Dr. Thiago Rocha, que participou da cirurgia.

Durante o procedimento, a paciente Fabíola Marques, de 37 anos, professora de matemática em formação, foi mantida acordada, fazendo cálculos complexos, para que a equipe médica pudesse avaliar sua fala e raciocínio e assim, minimizar o risco de déficits.

O tumor estava no lobo frontal esquerdo, próximo das áreas cerebrais da linguagem e da cognição, região crucial para o raciocínio lógico.

Sucesso

Os médicos conseguiram remover 100% do tumor sem afetar nenhuma área do cérebro.

Recuperada da cirurgia, Fabíola já recebeu alta e está em casa com sua família.

Além do Dr. Thiago Rocha, participaram do trabalho os neurocirurgiões Dr. Thiago Rocha, Marcos Moscatelli e Erton César, além do anestesista Wallace Andrino e o neurofisiologista Luiz Paulo.

Com informações do AgoraRN e SnB

Espalhe notícia boa nas suas redes sociais. Siga o SNB no: